AS MELHORES PRENDAS DE NATAL DOS TREINADORES

AS MELHORES PRENDAS DE NATAL DOS TREINADORES

1º JORGE JESUS PARA ANDRÉ VILLAS-BOAS: colocar um central como David Luiz, que apesar de rápido não tinha grandes rins, a marcar o jogador mais desequilibrante do campeonato, de seu nome Hulk, foi uma grande prenda do velhote JJ para o jovem AVB. Resultado: 5-0.

2º PAULO FONSECA PARA OS RIVAIS: Colocar Lucho Gonzalez a segundo avançado, o ainda naquela altura melhor médio do campeonato de costas voltadas para o jogo foi algo de surreal, e os rivais aproveitaram e bem.

3º BOBBY ROBSON PARA JOHAN CRUYFF: a meia final da Champions de 1994 já era um jogo complicado, o Barça tinha uma grande equipa com Romário, Hristo Stoichkov, Pep Guardiola e outros… mas a decisão de colocar Aloísio,um central que na altura já era lento, numa das alas foi uma grande prenda, o Barça abriu o livro a partir dessa ala sem o brasileiro conseguir fazer nada. No entanto, erros todos cometem e Robson foi dos melhores que já se sentaram no banco do Porto a comandar a equipa e Aloísio um dos melhores centrais que já calcaram os relvados portugueses.

4º MARCO SILVA PARA OS SEUS RIVAIS À EUROPA: eu sei, é uma prenda vaga, no entanto, tinha que a colocar aqui, como é que o treinador português quis fazer de André Gomes um 8 de equilíbrios no campeonato com mais rotação do mundo. Os resultados comprovaram esse mesmo erro.

5º MOURINHO PARA CAMACHO: Sim, Mourinho deu uma prenda ao espanhol quando colocou Nuno Espírito Santo a titular na final da Taça de Portugal de 2004. E Nuno fez aquilo que ele sabia fazer de melhor enquanto guarda redes… enterrou.

6º JORGE JESUS PARA VÍTOR PEREIRA: Duas prendas, em 2012 e 2013, com o mesmo erro na base. No primeiro ano, Jorge Jesus está com o resultado na mão na sua casa e dá o meio campo ao Porto que aproveita para ganhar o jogo. Em 2013, era o jogo do título, duas equipas imbatíveis nesse campeonato, o resultado era favorável a Jesus, quando este resolve dar novamente meio campo ao adversário e colocar essa grande vedeta em campo, o central Roderick Miranda, e retira um criativo como Gaitán. Resultado, o Porto conseguiu ir para cima e conseguir o golo que lhe deu esse campeonato.

E já chega, isto foi só de cabeça, façam o favor de colocar aí as prendas que me esqueci… Abraço e feliz natal a todos!!!